16 Setembro, 2021

José António Silva da Costa

81 Anos

Informações Pessoais

Os ventos que às vezes tiram algo que amamos, são os mesmos que trazem algo que aprendemos a amar… Por isso não devemos chorar pelo que nos foi tirado e sim aprender a amar o que nos foi dado. Pois tudo aquilo que é realmente nosso, nunca se vai para sempre. Aqueles que amamos nunca morrem apenas, partem antes de nós.

Velório

Funeral

Missa de 7º dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Voltar ao topo

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência de utilização. Confira a nossa política de privacidade e cookies aqui.